A sample text widget

Etiam pulvinar consectetur dolor sed malesuada. Ut convallis euismod dolor nec pretium. Nunc ut tristique massa.

Nam sodales mi vitae dolor ullamcorper et vulputate enim accumsan. Morbi orci magna, tincidunt vitae molestie nec, molestie at mi. Nulla nulla lorem, suscipit in posuere in, interdum non magna.

Evangelizar na Internet

O desafio da interatividade rápida em um mundo digital

Jesus era um excelente comunicador. A estrutura de suas mensagens, seus recursos e práticas produziram grande impacto na vida das pessoas. A igreja do primeiro século seguiu o exemplo do mestre e usou os melhores recursos de comunicação à sua disposição: Viagens, cartas, eventos etc. Em nosso tempo, a Igreja tem sido menos pró-ativa.

Entranto sempre com um atraso de vários anos no rádio, no vinil, no cinema, na televisão, no vídeo – o uso que a igreja faz de todas essas mídias ainda é raramente evangelístico. No caso da Internet, a vagarosidade e o egocentrismo são agravados pela dificuldade em entender a mídia.

Tratar a Internet como mídia de massa, disponibilizar conteúdos e esperar que alguém os encontre e consuma é um engano bastante comum, e a Igreja não o evita.

O grande diferencial da Internet é que, mesmo abrangendo milhões de pessoas, ela é uma mídia de relacionamentos. São os contatos mais diretos e personalizados que produzem maior resultado.

Redes Sociais
As redes sociais, essas em que você constrói um breve perfil pessoal para interagir com outras pessoas que fazem parte da mesma rede, são a função mais recente da Internet e tem grande potencial para a evangelização. Ainda em desenvolvimento, as redes sociais estão se ampliando e lançando mais e mais ferramentas de interação. O Facebook é a preferida dos brasileiros, e eles podem ser alcançados com a mensagem.

Experimente: uma boa forma de usar as redes sociais é servindo na intercessão. Visite o perfil de pessoas que escolher e ofereça-se para orar por alguma necessidade e ou dificuldade que elas tenham. Se a pessoa apresentar alguma necessidade, depois de orar, envie uma mensagem com base bíblica, preferencilamente no ensino de Jesus, ensinando a pessoa a obedecer o que Jesus ordenou sobre o tema.

Blogs
Os blogs funciona como diários onde você registra ideias, achados e opiniões que outros podem ler. Eles praticamente substituíram os web-sites porque são muito mais dinâmicos e interativos e podem suportar uma grande quantidade de diferentes mídias, inclusive fotos, vídeos e músicas. O segredo do blog é a atualização constante, a objetividade e interesse do conteúdo de promoção pessoal. Além disso, como a maioria dos recursos da Internet, embora muitos leitores não se  expressem bem, o crente deve ser hábil no uso da escrita.

Como utilizar essa ferramenta?

Temos a nossa disposição diversas ferramentas gratuitas para a administração de um blog, dentre as mais famosas temos o Blogger – mais simples e aconselhado para os usuários com poucos conhecimentos técnicos – e o WordPress – mais completo e aconselhado para usuários mais experientes. Quanto ao conhecimento técnico, não há quaisquer dificuldades para se abrir um blog, basta preencher um formulário criando uma conta de usuário, e o único pré-requisito para se criar está conta é o usuário possuir um e-mail.

Divulgação

Propagar uma mensagem, assim como a evangelização, exige planejamento. No que diz respeito à Internet 2.0, redes sociais e redes colaborativas, a melhor maneira de se divulgar informações é produzindo informação de qualidade. Entendendo que hoje a internet funciona com a ajuda de todos os internautas e que não existem apenas leitores, mas todos, de certa forma, produzem conteúdo, podemos concluir que se você produz um bom conteúdo em seu blog, seus leitores irão divulgar a mais leitores e assim sucessivamente, levando a mensagem para o maior número de pessoas. E quanto maior o número de acessos diários, mais facilmente o endereço de seu blog poderá ser encontrado nos buscadores da internet (como o Google, Bing ou Yahoo). É sempre bom verificar se nas configurações do seu blog está ativa a opção para que ele seja incluso nas pesquisas e buscadores.

Também é importante acompanhar o índice de visitas diárias de seu blog, existem sites especializados em fornecer estes relatórios como por exemplo o Google Analytics.

O que escrever?

Por haver muito conteúdo disponível, o usuário da internet de hoje passou a ser mais criterioso, buscando um conteúdo mais focado em seus interesses. Por este motivo, os portais e sites que tratam de assuntos muito diversos não são mais tão procurados como antigamente. A melhor opção é tratar apenas de um assunto (como fazemos aqui no evangelizabrasil.com – tratamos diversos temas sobre o assunto da evangelização) ou apenas de um público definido (por exemplo: se o seu blog for direcionado a jovens, não publique conteúdo infantil etc.), sempre atento para dar atenção aos seus leitores, respondendo e-mails e comentários.

Também é muito importante a periodicidade com que seu blog é atualizado, para toda vez que seu leitor acessar, possa encontrar conteúdo bom e novo.

Experimente: Desenvolva um blog opinativo sobre um tema de interesse e comente notícias recentes à luz das Escrituras. isso pode ser uma ótima forma de levar as pessoas a aplicar o Evangelho à sua vida. Será necessário também um bom esforço para promover o blog além de estar disponível para responder as mensagens, comentários e questionamentos.

Esse conteúdo faz parte do programa de Missiologia Fundamental para vocacionados e candidatos ao serviço missionários –  AVANCE, desenvolvido pela AMME EVANGELIZAR

A AMME está promovendo através do ministério Salva Vidas várias oficinas práticas para uma evangelização criativa e contextualizada, para maiores informações ligue 4473-4373/ 4428-3222 ou e-mails: atendimento@salvavidas.biz , rosana@salvavidas.bz e fale com a missionária Rosana ou missionário Daniel.


 

Leave a Reply

You can use these HTML tags

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>