Contatos

Acompanhe o trabalho da AMME pela evangelização, apoie essa grande obra.

Para contato por e-mail com o portal da evangelização escreva para: portal@evangelizabrasil.com

Para contato telefônico com a AMME Evangelizar e Salva Vidas prefira ligar para (11) 4428 3222.

Atenção: Novo endereço do escritório da AMME - Avenida Itamarati, 192 - Vila Curuçá, Santo André - SP, 09290-730

Facebook: Curta a página da AMME no Facebook [clique]

Ofertas

A AMME evangelizar é sustentada biblicamente, pelas ofertas daqueles a quem serve (Gl 6:6).

Doe agora (pagseguro), faça sua oferta , com segurança e facilidade. Clique no botão ‘Doar’ e siga as instruções.

 

Deposite sua oferta para AMME no Banco do Brasil Agência: 1557-1 Conta: 115278-5

Para ofertas mensais solicite boletos por telefone: (11) 4428 3222, e-mail: portal@evangelizabrasil.com

Para ofertas em material, equipamento e serviço consulte as especificações pelo telefone (11) 4428 3222

Bookmark and Share

Oficina da AMME

Solicite agora uma oficina de evangelização para a sua igreja. Clique>

Bookmark and Share

O livro de Marcos

Essa é a nova publicação evangelística da AMME para ajudar sua igreja na evangelização. Para mais informações [clique aqui].

Bookmark and Share

A visão de Cristo

Para ajudar a Igreja Brasileira é preciso olhar para ela como Cristo a vê. Conheça o Manifesto da Visão que tem orientado a AMME evangelizar desde a sua fundação. Nossa visão é chamar a Igreja Brasileira de volta ao primeiro amor e ajudá-la a fazer as coisas mais importantes. Seis minutos de leitura: A Visão de Cristo (7804)

Bookmark and Share

Como evangelizar homossexuais?!

Todas as vezes que me fazem esta pergunta “Como evangelizar homossexuais?”, respondo sempre da mesma maneira. Existem muitíssimas dúvidas  quanto à evangelização desse público. Queremos proporcionar meios para que você seja bem sucedido na abordagem com os homossexuais; você verá que é mais simples do que imagina. Sempre quando pensamos em homossexuais, logo vem em nossa mente dificuldades, ou seja, “deve existir um método para abordar estas pessoas”. Segue abaixo algumas dicas:

1ª) Olhe para estas pessoas com os olhos de Cristo: elas são como ovelhas sem pastores, são seres humanos como nós, não são ETs. Não olhe para elas com ar de reprovação, mas de amor e misericórdia.

2ª) Não seja preconceituoso: Jesus nunca se importou com o que a pessoa era ou deixava de ser, assim como a mulher samaritana, a prostituta, e outros, mas a sua preocupação sempre foi ajudar esta pessoa num todo.”O que queres que eu te faça?”. Jesus combatia o pecado e não o pecador. Lance todo o preconceito de lado.

3ª) Não aponte o seu pecado de Homossexualismo de imediato: Em momento algum mencione o pecado que está em evidência. A pergunta é a seguinte: Será que o pecado desta pessoa é somente o ser homossexual? Claro que não. Ela mente, trai, suborna, fala mal dos outros, ira-se com facilidade. Será que você se identificou com alguns destes pecados? Resumindo: Você não é melhor do que ela. Não coloque-se na posição de juiz, mas de conselheiro; não seja acusador pois este é o papel do diabo, apenas o instrua segundo a palavra de Deus. Jesus disse a mulher prostituta: Mulher, onde estão aqueles teus acusadores? Nem Eu tampouco te condeno; vai e não peques mais. Somos agentes de salvação, não de destruição.

4ª) Trate esta pessoa como ser humano: Esta pessoa não somente precisa  sair desta vida como também precisa de uma nova vida. Ela precisa ser novamente inserida no contexto social, precisa de cura da alma, traumas, de médicos, remédios, comida, trabalho, escola, enfim, “o evangelho todo para o homem todo”. Não apenas pregar a bíblia, mas levá-la a voltar a sonhar, tanto nesta terra como no céu, onde convertido, viverá eternamente com Cristo. Explicar que nunca perdeu o seu valor para Deus. Jesus veio para os doentes e não para os sãos, pois os sãos não precisam de remédio, mas os doentes.

5ª) Não se precipite: Geralmente quando estas pessoas aceitam a Cristo, logo querem que fale grosso, deixe seus trejeitos, providenciam uma namorada para ele, não é mesmo? Isso não funciona. Esta pessoa lutará para sempre com este pecado. Caso ela não queira casar-se, qual o problema? O grande problema é se ela não quiser mudar de atitudes, não viver em santidade; e santidade é um processo, ou você deixou de mentir automaticamente, ou deixou de olhar para a mulher dos outros num passe de mágica? Não será você que vai convencê-la do seu pecado, mas o Espírito Santo. Sua função é continuar pregando.

Como puderam ver, é mais fácil do que imaginávamos. Não é o método que muda as pessoas, e muito menos um evangelho apenas falado da boca para fora, mas o evangelho pregado com ações. Ouço muitos cristãos dizendo que sua igreja não está preparada para receber essas pessoas. Minha resposta é que também não estão preparados para viver no céu, porque lá não há espaço para tamanho pecado. Precisamos praticar este evangelho de amor, misericórdia, compaixão, se é que realmente queremos salvar alguns. Deus abençoe e boa colheita. Júlio.

Bookmark and Share

4 comments to Como evangelizar homossexuais?!

Leave a Reply

  

  

  

You can use these HTML tags

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>