Contatos

Acompanhe o trabalho da AMME pela evangelização, apoie essa grande obra.

Para contato por e-mail com o portal da evangelização escreva para: portal@evangelizabrasil.com

Para contato telefônico com a AMME Evangelizar e Salva Vidas prefira ligar para (11) 4428 3222.

Atenção: Novo endereço do escritório da AMME - Avenida Itamarati, 192 - Vila Curuçá, Santo André - SP, 09290-730

Facebook: Curta a página da AMME no Facebook [clique]

Ofertas

A AMME evangelizar é sustentada biblicamente, pelas ofertas daqueles a quem serve (Gl 6:6).

Doe agora (pagseguro), faça sua oferta , com segurança e facilidade. Clique no botão ‘Doar’ e siga as instruções.

 

Deposite sua oferta para AMME no Banco do Brasil Agência: 1557-1 Conta: 115278-5

Para ofertas mensais solicite boletos por telefone: (11) 4428 3222, e-mail: portal@evangelizabrasil.com

Para ofertas em material, equipamento e serviço consulte as especificações pelo telefone (11) 4428 3222

Oficina da AMME

Solicite agora uma oficina de evangelização para a sua igreja. Clique>

O livro de Marcos

Essa é a nova publicação evangelística da AMME para ajudar sua igreja na evangelização. Para mais informações [clique aqui].

A visão de Cristo

Para ajudar a Igreja Brasileira é preciso olhar para ela como Cristo a vê. Conheça o Manifesto da Visão que tem orientado a AMME evangelizar desde a sua fundação. Nossa visão é chamar a Igreja Brasileira de volta ao primeiro amor e ajudá-la a fazer as coisas mais importantes. Seis minutos de leitura: A Visão de Cristo (8064)

Castigo ou omissão?

Um terremoto de grandes proporções como o que acontece no Haiti tem a vantagem de arrancar as pessoas do conforto de sua teologia e levá-las a uma confrontação prática com as coisas espirituais em um ambiente real. Como a apologia cristã não foi bíblica antes e não é hoje, as pessoas que insistem em avaliar a situação, a partir de sua dogmática institucional, falham.

Pat Robertson, pastor norte-americado, ecoou o pensamento dos cristãos conservadores quando disse que o terremoto no Haiti foi consequência do pecado. Imediatamente um coro de cristãos liberais reclamou, acusou, julgou, condenou e executou o tal pastor da língua solta. Ambos os grupos se acham muito crentes e muito bíblicos. Ambos são um desastre em termos de apologia bíblica.

Pensando no que Pedro nos ensina sobre apologia, Pat Robertson errou porque respondeu algo que ninguém lhe perguntou. Os que o acusaram erraram porque não estão prontos para responder da razão da sua fé. O deísmo que vai se alastrando entre os evangélicos pós-modernos é vergonhoso. A influência do humanismo tem feito o deus dessas pessoas um sujeito omisso e a vida cristã se resumir ao que o homem pode fazer.

Quando o crente deixa seu papel como testemunha e quer ocupar a posição de advogado, promotor, juiz ou meirinho – a apologia não bíblica – é sempre um desastre. Como testemunhas, que faremos? Qual deve ser a nossa attitude como cristãos diante de tanto sofrimento no Haiti? Primeiro devemos prestar socorro – a omissão é crime e, ainda mais, é pecado. Segundo, devemos testemunhar – porque essa é nossa função, para isso fomos chamados, e sobre isso seremos cobrados.

Uma fé sem as obras do socorro e do testemunho é morta. Enquanto discutem os apologistas em contradição às Escrituras, os crentes, façamos algo que confirme a fé que temos.

1 comment to Castigo ou omissão?

  • Jhonny Lima

    Ótima posição Pr. Jose Bernardo! Nesse momento as atitudes do bom Samaritano, falam por sí próprias.

Leave a Reply

You can use these HTML tags

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>