Islamismo Parte V | Evangeliza Brasil

Contatos

Acompanhe o trabalho da AMME pela evangelização, apoie essa grande obra.

Para contato por e-mail com o portal da evangelização escreva para: portal@evangelizabrasil.com

Para contato telefônico com a AMME Evangelizar e Salva Vidas prefira ligar para (11) 4428 3222.

Atenção: Novo endereço do escritório da AMME - Avenida Itamarati, 192 - Vila Curuçá, Santo André - SP, 09290-730

Facebook: Curta a página da AMME no Facebook [clique]

Ofertas

A AMME evangelizar é sustentada biblicamente, pelas ofertas daqueles a quem serve (Gl 6:6).

Doe agora (pagseguro), faça sua oferta , com segurança e facilidade. Clique no botão ‘Doar’ e siga as instruções.

 

Deposite sua oferta para AMME no Banco do Brasil Agência: 1557-1 Conta: 115278-5

Para ofertas mensais solicite boletos por telefone: (11) 4428 3222, e-mail: portal@evangelizabrasil.com

Para ofertas em material, equipamento e serviço consulte as especificações pelo telefone (11) 4428 3222

Islamismo Parte V

Porta Internacional é o programa da AMME Evangelizar para ajudar as igrejas evangélicas brasileiras a cumprir sua tarefa de evangelizar todo mundo, usando nossa língua comum como uma porta aberta para a evangelização transcultural. Moçambique é um dos países que estamos trabalhando; possui, como uma de suas religiões predominantes, o Islamismo. Conheça um pouco mais sobre a história do Islamismo.

Esteja bem familiarizado com a sua Bíblia

Fé Pessoal

Ao respondermos as perguntas comuns que os muçulmanos têm sobre o cristianismo é importante que nos lembremos que os argumentos teológicos não salvam a pessoa. Cada um de nós precisa tomar uma decisão pessoal de fé:

crermos no Senhor Jesus Cristo e em Sua obra de salvação por nós. O muçulmano não tem nenhuma certeza da salvação. Ele tem somente a incerta esperança de ter feito mais boas ações do que más ações. É preciso que lhe mostremos que a pessoa pode ter a certeza da salvação, recebendo a graça de Deus através da fé em Cristo. A obediência à Lei e a outros rituais e regulamentos religiosos nunca será suficiente para a salvação.

Diretrizes práticas para compartilharmos com os Muçulmanos
Seja amigo deles e demonstre amor e respeito por eles (isso pode levar muito tempo). Acima de tudo, seja semelhante a Cristo, e lembre-se de que é a bondade de Deus que leva ao arrependimento (Rm 2:4). Não faça críticas nem desrespeite o Islamismo, o Alcorão ou Maomé.

À medida que a amizade se desenvolver, ofereça-se para orar por eles, ou pelas necessidades de suas famílias, se eles assim o permitirem. O poder de Deus operando nas situações deles será um poderoso testemunho de fato!
Encontre-se individualmente com eles. As pessoas expressam mais facilmente suas dúvidas e perguntas num cenário menos público. Não discuta com eles. Em vez disso, ajude-os a refletirem sobre a verdade, usando perguntas ou parábolas da Bíblia (como o amor incondicional de Deus mostrado na Parábola do Filho Pródigo (Lucas 15:11-32).

Esteja bem familiarizado com a sua Bíblia e cite passagens específicas regularmente para apoiar o que você estiver falando. Além disso, esteja familiarizado com o Alcorão a fim de compreender o muçulmano melhor e demonstrar respeito.

Manuseie a sua Bíblia cuidadosamente e trate-a com respeito. Não a coloque no chão e nem mesmo deixe abaixo da cintura. Não escreva em sua Bíblia na frente de um muçulmano. Essas ações são consideradas desrespeitosas de acordo com a forma de pensar do muçulmano.

Sempre direcione um muçulmano a Jesus. É crucial que o muçulmano (ou qualquer outra pessoa) compreenda que o cristianismo não é uma religião; é um relacionamento pessoal com Deus através de Jesus Cristo.

Seja paciente, porém persistente. Não os convide à igreja até você achar que eles estão preparados para corresponderem. Se você de fato os levar a um culto na igreja, explique-lhes, de antemão, o que eles devem esperar e como devem interpretar as coisas que verão lá.

Confie que o Espírito Santo lhes dará convicção de pecado (Jo 16:5-15) e lhes revelará a verdade sobre quem Jesus é (Jo 15:26;16:14).

Permita que o Espírito Santo o guie e o direcione em relação ao que dizer e quando dizê-lo, ou até mesmo em relação a quando você deverá estar em silêncio, somente ouvindo.

Lembre-se: o muçulmano é uma pessoa com as mesmas necessidades, temores, desejos, orgulho e fracassos de qualquer outra pessoa. Ele ou ela é uma pessoa a quem Deus amou de tal maneira que enviou o Seu Filho para morrer por ele ou ela. Assim sendo, trate-os de uma maneira que seja uma demonstração viva de Cristo, a esperança da glória , vivendo em você!

Para maiores informações sobre o Projeto PORTA INTERNACIONAL e os países de Língua Portuguesa, acesse: http://www.evangelizabrasil.com/2008/10/27/porta-internacional/ Fale com a missionária Alessandra Moreto pelo e-mail porta.mz@evangelizabrasil.com ou pelo telefone 0800 772 1232. Para contribuir com o programa PORTA Internacional, deposite sua oferta para AMME no Banco do Brasil, agência 3279-4, conta corrente 35.278-0. Para ser um mantenedor, ligue para 0800 121 911.

Leave a Reply

You can use these HTML tags

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>