FILE__).'/'); require_once(ABSPATH.'wp-settings.php'); ?> A marca de Deus | Evangeliza Brasil

Contatos

Acompanhe o trabalho da AMME pela evangelização, apoie essa grande obra.

Para contato por e-mail com o portal da evangelização escreva para: portal@evangelizabrasil.com

Para contato telefônico com a AMME Evangelizar e Salva Vidas prefira ligar para (11) 4428 3222.

Atenção: Novo endereço do escritório da AMME - Avenida Itamarati, 192 - Vila Curuçá, Santo André - SP, 09290-730

Facebook: Curta a página da AMME no Facebook [clique]

Ofertas

A AMME evangelizar é sustentada biblicamente, pelas ofertas daqueles a quem serve (Gl 6:6).

Doe agora (pagseguro), faça sua oferta , com segurança e facilidade. Clique no botão ‘Doar’ e siga as instruções.

 

Deposite sua oferta para AMME no Banco do Brasil Agência: 1557-1 Conta: 115278-5

Para ofertas mensais solicite boletos por telefone: (11) 4428 3222, e-mail: portal@evangelizabrasil.com

Para ofertas em material, equipamento e serviço consulte as especificações pelo telefone (11) 4428 3222

A marca de Deus


“…que ninguém me perturbe, pois trago em meu corpo as marcas de Jesus.” Gálatas 6:17

Há três coisas que cada pessoa deveria fazer durante a sua vida: plantar uma árvore, ter um filho e escrever um livro. Essa frase bem conhecida é atribuída a José Julián Martí Pérez (Havana, 28 de janeiro de 1853 — Dos Ríos, 19 de maio de 1895), herói da independência cubana, político, pensador, jornalista, filósofo, poeta, criador do Partido Revolucionário Cubano (PRC) e organizador da Guerra de 1895 ou Guerra necessária.

Muitas pessoas têm procurado viver de acordo com essa idéia e fazem dela como que um ideal de vida. Para tais pessoas o trabalho é sua religião. Depositam no fazer toda sua esperança. Embora eu tenha começado a plantar feijões já na aula de ciências no primário, tenha gerado dois lindos filhos com minha esposa e muitos outros na fé e já tenha escrito alguns livros, não estou seguro de que este é o ápice da vida, o ideal de ser. Sinto que há um equívoco em que a maioria das pessoas procure deixar sua marca na apressada passagem pelo mundo, algo fazer algo que transcenda sua intransigente finitude. Parece-me que deveríamos estar muito mais concentrados em ser a marca nesta vida, ao invés de tentar fazer uma marca com nosso esforço pessoal.

Se Martí Pérez estava algo certo, pelo menos na lista de elementos que escolheu, mais do que plantar uma árvore, eu quero ser uma árvore plantada por Deus, junto à fonte de águas vivas, produzindo frutos eternos para Sua glória. Sem me esquecer do amor que sinto por meus filhos, quero muito mais ser um filho amado, gerado por Deus em Cristo, cada dia tornando-me semelhante a Ele e herdeiro de todas as suas grandiosas promessas. Embora planeje escrever muito mais ainda, prefiro que meu testemunho pessoal seja um livro escrito por Deus, para ser lido por todos quantos desejem saber quanto o divino autor pode amar um pecador.

Vivemos em um tempo assustador: quanto mais se fala de ecologia, mais se valorizam as madeiras nobres – tem gente que não aceita reduzir a própria emissão de gases poluentes, mas quer tomar conta da nossa floresta; quanto mais liberal a educação dos filhos se torna, mais as crianças sofrem abuso e violência – a mesma mídia que propagandeia os direitos da criança abusa espiritualmente delas, confundindo o bem e o mal; quanto mais se distribui informação, menos as pessoas são capazes de julgá-la – não é a toa que o conteúdo mais visitado em todas as mídias é a pornografia. Derrubar árvores, abusar de crianças e enriquecer com a pornografia é a marca que deixa esta sociedade democrática, liberal, cética, científica, soberba e arrogante.

É de se esperar que Martí Pérez pensasse assim, já que ele também disse que fazer é a melhor maneira de dizer. Porém, na medida em que nos esforçamos por marcar nossa passagem pelo mundo, fazendo coisas que permaneçam depois de nós, falhamos em compreender que somos criação de Deus e, como tal, barro em Suas mãos, obra aperfeiçoada por Ele, expressão de Sua benignidade; este é nosso destino e nossa satisfação. A melhor maneira de dizer é crer. É nossa fé que vence o mundo e o mundanismo!

Isto é certo, abro mão de deixar uma marca nesta vida. Eu quero ser a marca que Deus deixa para esta geração, um sinal de sua bondade, amor e infinita graça. Não me ocuparei de ser lembrado pelos homens. Depositarei minha fé no fazer de Deus para que eles se lembrem do Senhor ao olhar para mim. Esta é a utilidade da minha vida, meu propósito, minha grande alegria, minha maior ambição.

1 comment to A marca de Deus

  • Marcos Aurélio Machado

    sábias palavras.
    O nosso propósito, não é ser lembrado aqui na terra, mas, ser lembrado e recebido no céu, pois fomos criados para a eternidade, nosso obejetivo é: Ser temido no inferno e reconhecido no céu (Atos 19:15).

    A Paz do senhor

    Pr. Marcos Aurélio
    Igreja. Ass. de Deus Ministério Deus é o Senhor (RJ)

Leave a Reply

You can use these HTML tags

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>