Warning: mysql_query(): supplied argument is not a valid MySQL-Link resource in /home/storage/e/67/a9/evangelizabrasil1/public_html/wp-content/plugins/wordpress-form-manager/db.php on line 35

Warning: mysql_num_rows(): supplied argument is not a valid MySQL result resource in /home/storage/e/67/a9/evangelizabrasil1/public_html/wp-content/plugins/wordpress-form-manager/db.php on line 741
Falhas no crescimento da Igreja! Parte I | Evangeliza Brasil

Contatos

Acompanhe o trabalho da AMME pela evangelização, apoie essa grande obra.

Para contato por e-mail com o portal da evangelização escreva para: portal@evangelizabrasil.com

Para contato telefônico com a AMME Evangelizar e Salva Vidas prefira ligar para (11) 4428 3222.

Atenção: Novo endereço do escritório da AMME - Avenida Itamarati, 192 - Vila Curuçá, Santo André - SP, 09290-730

Facebook: Curta a página da AMME no Facebook [clique]

Ofertas

A AMME evangelizar é sustentada biblicamente, pelas ofertas daqueles a quem serve (Gl 6:6).

Doe agora (pagseguro), faça sua oferta , com segurança e facilidade. Clique no botão ‘Doar’ e siga as instruções.

 

Deposite sua oferta para AMME no Banco do Brasil Agência: 1557-1 Conta: 115278-5

Para ofertas mensais solicite boletos por telefone: (11) 4428 3222, e-mail: portal@evangelizabrasil.com

Para ofertas em material, equipamento e serviço consulte as especificações pelo telefone (11) 4428 3222

Oficina da AMME

Solicite agora uma oficina de evangelização para a sua igreja. Clique>

O livro de Marcos

Essa é a nova publicação evangelística da AMME para ajudar sua igreja na evangelização. Para mais informações [clique aqui].

A visão de Cristo

Para ajudar a Igreja Brasileira é preciso olhar para ela como Cristo a vê. Conheça o Manifesto da Visão que tem orientado a AMME evangelizar desde a sua fundação. Nossa visão é chamar a Igreja Brasileira de volta ao primeiro amor e ajudá-la a fazer as coisas mais importantes. Seis minutos de leitura: A Visão de Cristo (8305)

Falhas no crescimento da Igreja! Parte I


Tudo é uma questão de visão!

Neste tempo que estou ajudando as igrejas da região metropolitana de Belo Horizonte a evangelizar todo mundo, tenho presenciado a dificuldade que muitas igrejas têm de desenvolver um trabalho efetivo na área da evangelização e, por fim, alcançar um crescimento de fato. Muitas delas até aumentam o número de membros, porém, o crescimento não é de qualidade, não existe permanência dos frutos e, conseqüentemente, não avançam para a consolidação.

Vejo que a maior dificuldade encontrada neste processo de crescimento da igreja está justamente na forma como a igreja olha para a evangelização, como trata o chamado de nosso Mestre.

Analisando o texto de João 4.1-42 – que há muito tempo tem sido compartilhado entre os missionários da AMME – encontramos Jesus mostrando aos seus discípulos como enfrentar este problema e vencer. O autor, o apóstolo João, faz questão de comparar a postura dos discípulos com a da mulher samaritana e evidencia qual é o desejo de Jesus para seus discípulos.Jesus, em sua fala, trabalha qual é sua principal preocupação para com seus discípulos e de forma incisiva diz: “Tenho outra comida para comer (…). Minha comida é fazer a vontade daquele que me enviou e concluir sua obra. Vocês não dizem: ‘Daqui a quatro meses haverá colheita? ‘ (…) Abram os olhos de vocês e vejam os campos! Eles estão maduros para a colheita (…) Assim é Verdadeiro o ditado ‘Um semeia outro colhe’. Eu vós enviei para colherem…”

O que nosso Mestre quer dizer com tudo isso? Certamente esta pergunta passou pela mente dos discípulos. Jesus, que há muito tempo caminhava com eles, quer levá-los neste momento a uma postura correta em relação ao chamado que eles tiveram, então diz: “Abram os olhos e vejam”, ou seja, enxerguem! Mude o foco da visão de vocês!

Mas enxergar o quê? Eles precisavam enxergar os campos maduros, prontos para a colheita. Aqui vemos que eles estavam olhando para o chamado deles como algo de longo prazo, algo que possivelmente ia acontecer, não sabiam ao certo quando, mas na verdade eles precisavam dar resultados já.

Jesus também traz em sua fala duas figuras, o semeador e o ceifeiro. Dizendo: “‘Um semeia e outro colhe’. Eu os enviei para colherem”. Isto mostra que os discípulos precisavam largar a postura de semeadores e passar a agir como ceifeiros. A semeadura acabou, agora cabe a vocês colher! Está é a postura que Jesus quer suscitar no coração de seus discípulos, postura bem assimilada pela mulher samaritana, que imediatamente passou a exercer, e João evidencia essa mudança de forma clara dizendo: “(…) deixando seu cântaro, a mulher foi à cidade e disse ao povo: Venham (…)”

1º Aplicação: A semeadura acabou, largue esta postura de expectativas e passe a colher de fato, pois somos discípulos do mestre Jesus.

Ver cada pessoa como quem precisa ser colhida muda totalmente o foco de nossas ações. Traz-nos a responsabilidade de dar frutos.

O trabalho da igreja só será consolidado quando ela sair para evangelizar com uma postura de ceifeiro e não de semeador, pois o semeador fica na expectativa de frutos, aguardando algo sobrenatural, mas o sobrenatural de Deus acontece quando abraçamos as pessoas, nos importamos com elas e queremos que Cristo seja formado no interior delas. Esta é a ação do ceifeiro, garantir os resultados. Eis o desafio, vamos colher!     

2º Aplicação: Use a palavra como uma foice, pois precisamos colher!

Colher, na visão de Jesus, significava justamente o que o ceifeiro representa, aquele que sabe usar a foice e tirar o fruto de forma correta e armazená-lo no local apropriado para que não se perca.

A palavra tem que funcionar como a foice; sabendo manejá-la bem, poderá alcançar as pessoas e levá-las ao conhecimento de Cristo e isso requer cuidado, dedicação e graça para identificar o fruto e usar a foice com precisão.

Nós, AMME Evangelizar, queremos lhe ajudar para que você e sua igreja passem a colher vidas para o reino de nosso Deus. Fique atento aos próximos treinamentos! Venha colher conosco!

Associação de Missionários Mantenedores da Evangelização – AMME

Tels: 0800 121 911 ou (011) 4428-3222

1 comment to Falhas no crescimento da Igreja! Parte I

Leave a Reply

You can use these HTML tags

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>