FILE__).'/'); require_once(ABSPATH.'wp-settings.php'); ?> "Sentido obrigatório ou contra-mão?" | Evangeliza Brasil

Contatos

Acompanhe o trabalho da AMME pela evangelização, apoie essa grande obra.

Para contato por e-mail com o portal da evangelização escreva para: portal@evangelizabrasil.com

Para contato telefônico com a AMME Evangelizar e Salva Vidas prefira ligar para (11) 4428 3222.

Atenção: Novo endereço do escritório da AMME - Avenida Itamarati, 192 - Vila Curuçá, Santo André - SP, 09290-730

Facebook: Curta a página da AMME no Facebook [clique]

Ofertas

A AMME evangelizar é sustentada biblicamente, pelas ofertas daqueles a quem serve (Gl 6:6).

Doe agora (pagseguro), faça sua oferta , com segurança e facilidade. Clique no botão ‘Doar’ e siga as instruções.

 

Deposite sua oferta para AMME no Banco do Brasil Agência: 1557-1 Conta: 115278-5

Para ofertas mensais solicite boletos por telefone: (11) 4428 3222, e-mail: portal@evangelizabrasil.com

Para ofertas em material, equipamento e serviço consulte as especificações pelo telefone (11) 4428 3222

“Sentido obrigatório ou contra-mão?”

contramao.jpgCarnaval: a tática do Mal.

Chegou novamente para muitos o tão “esperado” carnaval. O carnaval é a festa da carne, lembrando que “carne” aqui representa tudo que é da vontade humana contaminada pelo pecado e que milita contra a vontade do espírito, contra a Santidade. Um dos fatos interessantes e que merece atenção, é que nesse período “nós” , a igreja de Cristo em sua maioria, planejamos fugir do Mal ( o Maligno) que assola as capitais com seus programas pecaminosos promovidos pela festa da carne. “Vamos fazer um acampamento e se separar desses pecadores e ímpios que não temem a Deus” é o que combinamos, demonstrando um grave erro de pensamento aprendido com o passar dos anos e que aparenta santificação com dias de oração, de louvor e todas as programações que já sabemos de cor. Alguns de nós, para espiritualizar um pouco, devido ao termo “acampamento” ser meio “mundano” e na intenção de causar boa impressão, intitulamos a nossa fuga como ”Retiro Espiritual”. Posso ser o único pecador a dizer isso, mas, o que eu queria quando pensava dessa forma era cuidar bem do meu conforto.

 

Hoje, pela manhã, em nosso Devocional aqui na Casa da Palavra, após o missinonário Edvaldo apresentar um motivo de oração, tive um pensamento, tão claro que não resisti e expressei como reforço na hora de orar por aquele assunto. O pedido era em favor dos nossos coordenadores e igrejas que envangelizam em Estados onde o Carnaval já começou, fazendo suas vítimas como sempre. Que pensei?! Veio à minha mente uma avenida de carnaval com toda destruição e folia possível e, à medida que o bloco carnavaleso desfilava, era como se os participantes pouco a pouco caissem e ficassem para trás, pelas calçadas, drogados, bêbados, outros se prostituindo no meio da bagunça, se agredindo física e verbalmente, enfim, tudo de mais destrutivo possível. O que mais chocou foi que eu imaginava a Igreja vindo atrás e recolhendo como se fossem cacos, pedaços daquelas pessoas que caíam destruídas pelos vários tipos de pecados que praticavam ali; como se fôssemos um lixeiro que depois de uma feira encerrada vai ajuntando e recolhendo os restos. Resumi e compartilhei meu sentimento com os missionários da AMME: “infelizmente nós, como igreja brasileira, sempre chegamos depois, sempre atrasados, com paliativos de remediar os estragos causados na vida das pessoas por quem o Senhor Jesus entregou sua vida”.

Quando iremos ter uma postura de prevenção e confronto? Quando nos anteciparemos ao pecado com seu propósito único que Jesus definiu bem claro quando disse: “o ladrão vem pra matar, roubar e destruir” ? É mais do que tempo de nos posicionarmos com uma atitude noutética, confrontando a impiedade nas mais variadas camadas da sociedade – entenda-se por sociedade: nossos vizinhos, familiares, amigos, crianças etc. A AMME Evangelizar declarou este ano como o “ANO DA SANTIDADE”. Estamos dispostos a te ajudar na santificação para que, com vida santa, você e sua igreja local evangelize e continue fazendo a diferença que Jesus nos mandou fazer: brilhar e salgar, isso é, discipular. Vale te lembrar que evangelização pressupõe mudança no caráter do outro pelo poder do evangelho pregado.

Caso você queira expressar sua opinião sobre isso, serei pronto em retornar seu comentário.

Estamos juntos!!

Saulo
Porque a missão é evangelizar!!

3 comments to “Sentido obrigatório ou contra-mão?”

  • Rogerio

    Deus nos escolheu para sua grande obra

  • Saulo

    Prezado irmão Rogério, paz seja contigo!

    “Deus não rejeitou ao seu povo que antes conheceu. Ou não sabeis o que a Escritura diz de Elias, como ele fala a Deus contra Israel, dizendo: Senhor, mataram os teus profetas, e derribaram os teus altares; e só eu fiquei, e procuraram tirar-me a vida? Mas que lhe diz a resposta divina? Reservei para mim sete mil varões que não dobraram os joelhos diante de Baal. Assim, pois, também no tempo presente ficou um remanescente segundo a eleição da graça “ Rm. 1-6

    Assim como o Senhor disse pra Elias que Ele tinha separado 7 mil, hoje ainda existe um “remanescente” que não se prostrou e nem se curvará perante baal para beijar seus pés.

    Que o Senhor te fortaleça e continue nos usando cada vez mais.

    Estamos juntos!!

    Saulo
    Porque a missão é evangelizar!!

  • josilene

    Boa tarde!mais do que palavras,ação. por isso agradeço a Deus pelo trabalho que a Amme vem fazendo: que é de ajudar as igrejas,para transformação de vidas.Suas palavras é de uma grande verdade, muitos a cada momento estão se perdendo,esquecendo do autor da vida.oremos portanto para que a palavra nesses dias,possa chegar aos corações, dos que ainda não conhece o verdadeiro caminho: Jesus Cristo. Que Deus nos use sempre na sua obra,monstrando o lugar para onde ir.
    Paz para todos.

Leave a Reply

You can use these HTML tags

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>